Culto todos os domingos às 19:30h.
Rua Vital, Nr 316, Quinta dos Vinhedos, Bragança Paulista, SP
idoso

Momento Devocional IPCC – A importância dos mais experientes

“Mesmo na sua velhice, quando tiverem cabelos brancos, sou eu aquele, aquele que os susterá. Eu os fiz e eu os levarei; eu os susterei e eu os salvarei.”
Isaías 46:4

Vivemos um tempo em que muitas datas são comemoradas internacionalmente, ou em nosso país.

idoso

No Brasil, o dia do idoso é comemorado em 01 de outubro e tem por objetivo a valorização de pessoas na chamada terceira idade.

A Bíblia descreve que lá no passado o povo de Israel valorizava o idoso, como neste versículo bíblico do livro de Levíticos, 19:32: “Levantem-se na presença dos idosos, honrem os anciãos, tema o seu Deus. Eu sou o Senhor”.

 Salomão também escreve no livro de Provérbios, capítulo 16, versículo 31: “O cabelo grisalho é uma coroa de esplendor, e se obtém mediante uma vida justa”, ou, ainda em  Provérbios 20:29: “A beleza dos jovens está na sua força; a glória dos idosos, nos seus cabelos brancos”.

E no livro do profeta Isaías, a mensagem de Deus é que Ele, o Criador do Universo estará cuidando dos idosos, dando sustento, salvando, cuidando das pessoas mais experientes e que já puderam viver suas vidas, contribuindo para a construção de suas famílias.

Deus não apenas cuida dos idosos, mas também em sua Palavra, chamou pessoas idosas e com mais experiência para estar indo à frente de alguns propósitos e missões especiais em sua obra, como é o caso de alguns personagens bíblicos que citamos a seguir: como Daniel que estava aproximadamente com 85 anos, quando foi lançado na cova dos leões. Deus também escolheu o apóstolo João, já idoso, o livrando da perseguição dos romanos e podendo revelar na Ilha de Patmos, as visões e mensagem de Apocalipse.

 Estes são apenas alguns exemplos, de como Deus enxerga e se utiliza de pessoas com mais idade e experiência em sua obra.

Aplicação Prática:

Quando éramos crianças era comum em nossas famílias:- aprendermos com nossos pais a honrarmos os mais velhos em idade, e ao nos dirigirmos a eles, quando os víamos em algum encontro, lhes pedíamos: “a sua bênção“, e eles nos respondiam: “Deus te abençoe meu filho, minha filha”.

Crescemos com o respeito aos mais velhos e às crenças em Deus, pelas respostas que recebíamos deles.

estatuto-do-idoso-e1523361841877

Os tempos mudaram, o mundo e as pessoas mudaram e questões simples de respeito aos mais experientes foram deixadas para trás. Alguns, infelizmente, só se lembram de respeitar os mais experientes, apenas nas redes sociais,  pelos próprios dias que foram criados para esta finalidade, mas, no dia a dia, não ouvem os conselhos dos mais velhos e não tem tempo de cuidarem de seus pais idosos, ou, de pessoas da família em idade mais avançada.

Alguns, acabam “terceirizando” e colocando seus idosos em asilos, quando poderiam se revezar e dedicar amor em família. Algumas famílias, no entanto, tem a necessidade de terem algum familiar, mais idoso e debilitado, em casas de repouso e graças à Deus, ainda existem casas de repouso, clínicas especializadas que zelam pela qualidade de vida dos nossos idosos, bem como, cuidadores e cuidadoras, que trabalham no sentido de cuidar daqueles que precisam de cuidados especiais, auxiliando muitas famílias em suas próprias casas.

onde-encontrar-asilo-para-idoso-na-saude

Infelizmente, ainda em nosso Brasil, não existem políticas públicas, bem claras e que funcionem bem, de forma justa, de forma eficaz para proteção e valorização dos idosos. A nossa previdência social ainda não consegue plenamente e na sua totalidade, atender pessoas que morrem em idade avançada, antes de poderem usufruir dos benefícios e cuidados especiais de uma aposentadoria digna. Muitos idosos morrem, antes de poderem receber o benefício e o reconhecimento pelo que puderam representar para o trabalho do Brasil em sua existência. Outros, mesmo fragilizados, tem que continuar trabalhando para poderem complementar uma aposentadoria, insuficiente para cobrir seus gastos pessoais com medicamentos que aumentam nesta idade.

Temos o estatuto do idoso, de 2003, destinado a regular os direitos assegurados às pessoas com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, e algumas orientações municipais que os protegem, em filas e outros exemplos no dia a dia, mas na prática é muito importante nossas casas e famílias resgatarem o respeito e os cuidados por nossos pais, nossos avós e todos aqueles que precisam da nossa dedicação, respeito e amor.

3-mitos-sobre-a-terceira-idade

Temos que pensar que um dia seremos nós que estaremos no lugar dos mais idosos hoje.

A tendência no Brasil, em função dos avanços tecnológicos e científicos na medicina, bem como, na qualidade e aumento na expectativa de vida, nos países desenvolvidos ou em desenvolvimento, é que a população idosa cresça, significativamente, nos próximos anos, como já está acontecendo em alguns lugares do mundo.

Certamente nosso Deus e Pai, nunca abandonará as pessoas de maior idade, tanto pelo seu infinito amor de Pai para com todos, sem fazer distinção entre as pessoas, como,  também, pelo fato de Deus valorizar e poder utilizar, claramente, em sua Palavra, pessoas de mais idade para algum propósito específico, definido pela Sua Soberana Vontade.

Torna-se necessário que a Igreja de Cristo, que professa a Bíblia como única regra de fé e prática, valorize sempre àqueles, que podem nos ensinar e que já trabalharam muito para que pudéssemos estar congregando em uma igreja viva e eficaz, em meio à um mundo decadente, que vive longe de Deus, que se modifica diariamente.

Se estamos hoje aqui, lendo e praticando a palavra de Deus é porque um dia aprendemos com os mais idosos e experientes:- os santos ensinamentos das escrituras.

467579835

Gosto e me emociono, lendo a letra do belo hino da mocidade presbiteriana escrito no hinário Novo Cântico:

Somos jovens num mundo velho
A pregar novos ideais
Do mesmo Evangelho
Que pregaram nossos pais.
O mundo muda, mas Cristo não!
Importa que preguemos a salvação!
[Rapazes]
Mocidade Presbiteriana,
Somos testemunhas de Jesus!
Temos que dizer ao nosso mundo
Que a solução está na cruz!
[Moças]
Mocidade, testemunhas de Jesus!
Sim, a solução de tudo está na cruz!

 E aí o hino continua…

Sempre penso e reflito sobre esta letra, especialmente nos dizeres “do mesmo evangelho, que pregaram nossos pais”.

Nossos pais, receberam de seus pais o evangelho da Bíblia, que foi passado de geração a geração.

Somos o povo da aliança, o povo escolhido por Deus, o povo que confia em Deus, na sua Palavra escrita, o povo da Bíblia, que respeita os ensinos e escritos da Bíblia, bem como o genuíno evangelho e mensagem da salvação da Graça de Deus, oferecida a nós mortais, pelo sacrifício vicário de Jesus Cristo na cruz.

O mundo muda, mas Cristo não, temos que continuar dizendo ao mundo que a solução está na cruz.

Agradecemos aos nossos irmãos e irmãs, em Cristo, de mais idade, lembro-me de cada um dos nossos irmãos e irmãs, que já estão na Glória Celestial, que me ensinaram o evangelho da Cruz quando era criança.

idoso-e1440785860845

Louvo a Deus pela vida destes preciosos irmãos, heróis da fé que zelaram pelo ensino das escrituras e nos transmitiram a mensagem genuína da Bíblia e o evangelho da cruz, homens e mulheres de Deus, idosos e experientes na fé cristã, que nos transmitiram a mensagem da salvação.

Cabe a nós, hoje, que ainda não chegamos à terceira idade, respeitarmos aqueles irmãos e irmãs, que já se encontram nesta preciosa idade, que certamente tem muitas boas histórias para nos contar sobre sua vida e experiência e à medida que vão se tornando mais idosos, continuam tendo esta necessidade de poder compartilhar suas lutas, vitórias e experiências do passado.

Que possamos amar nossos familiares, nossos irmãos e irmãs em Cristo, que já ultrapassaram a barreira dos sessenta anos (idade considerada como o começo da terceira idade), mas também possamos continuar aprendendo com seus ensinos, com sua sabedoria, tendo paciência para os ouvir, para os acolher, para os abraçar.

Que Deus continue nos ajudando no sentido de valorizarmos os idosos, os mais experientes, e como alguns já disseram: aqueles que já estão na “melhor idade“.

Nós, que ainda não chegamos perto desta idade, somos agitados, elétricos, temos muita energia, e às vezes, não damos ouvido, não escutamos, nem conversamos com pessoas mais idosas. Muitas vezes, os escutamos, apenas por obrigação, sem termos muita paciência.

Pense. Reflita sobre isto. Uma pessoa idosa, quando conversa com você, percebe, claramente, quando você não está prestando atenção no que ela está “tentando” te dizer, no que ela está “tentando” te falar, com sua voz baixa e suave. Normalmente, elas ficam tristes em seu interior, e muitas, até entram em estados depressivos, por se sentirem um peso para seus familiares, ou por, não receberem a atenção e o amor devido.

Olhe à sua volta, respeite, ouça, “converse“, mas, “escute principalmente“, e ajude alguma idosa, algum idoso, alguém que precisa do seu apoio na terceira idade. Temos muito que aprender com os mais experientes!

Deus nos ajude a ouvir, abençoar os idosos e sermos abençoados por eles!

Pr. Luiz Francisco Contri

Um comentário

Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *