Culto todos os domingos às 19:30h.
Rua Vital, Nr 316, Quinta dos Vinhedos, Bragança Paulista, SP
46325-christmas-nativity-scene-1200w-tn

#palavrasnocaminho-Série Especial Natal-A glória

A GLÓRIA

Moisés ao ser participante de um pequeno instante perante a Glória de Deus, se prostrou e o adorou. A Glória de Deus mudou o relacionamento de Moisés com Deus, de tal forma que ele se derramou diante da glória que foi manifestada, relembremos o texto bíblico em Êxodo 34:8,9:

“Imediatamente Moisés prostrou-se, rosto em terra, e o adorou, dizendo:
“Senhor, se de fato me aceitas com agrado, acompanha-nos o Senhor. Mesmo sendo esse um povo obstinado, perdoa a nossa maldade e o nosso pecado e faze de nós a tua herança”.

Moisés reconhecendo a natureza e o caráter de Deus, compreendeu a grandeza do Eterno, entendeu a necessidade de Deus em sua vida, solicitando que Deus o acompanhasse, apesar do povo pecador que ele liderava. Existiu arrependimento e reconhecimento no coração do grande líder de Israel de quem ele era, se prostrando, adorando e humildemente se colocando em submissão à Vontade de Deus.

Moisés tinha consciência do seu pecado, de também estar se relacionando com um Deus que era justo e que poderia se irar perante o povo, mas também que era amoroso, misericordioso e tardio em enfurecer-se.

Há dois mil anos a humanidade viu a glória de Deus se manifestar entre nós, conforme o evangelho de João nos registra, no capitulo 1:14:

“Aquele que é a Palavra tornou-se carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade.”

46325-christmas-nativity-scene-1200w-tn

Dentro de um mês estaremos relembrando o nascimento de Jesus, Emanuel, Deus conosco, que se encarnou no tempo e no espaço, nasceu como um de nós, porém sem pecado, para que possamos ter vida e vida em abundância.

Deus manifestou a sua Glória, o seu perdão e a sua salvação gloriosa para toda a humanidade.

Moisés no passado, ao ver-se diante de um vislumbre da glória do Criador, manifestada ao povo de Israel, se prostrou, se entregou ao Deus Todo-Poderoso

Nós recebemos a visita de Deus, através de Jesus Cristo entre nós, que foi morto em favor de nós. Precisamos repensar se diante de todo este poder e majestade, bem como amor incondicional manifesto a todos nós, o que temos feito neste relacionamento apresentado por Deus a nós, através da vida de Jesus Cristo, oferecida em nosso favor.

O que temos feito diante da Glória de Deus, desta salvação gloriosa de Cristo se manifestando a nós mortais e pecadores. Ainda existe tempo de vivermos esta nova vida oferecida por Deus, através de Jesus Cristo que se fez cordeiro por nós, morrendo de forma substitutiva naquela cruz, para que eu e você, pudéssemos ter vida e vida eterna.

O Natal está se aproximando, entenda o significado desta Glória manifestada há dois mil anos para este mundo decaído. Não fique indiferente a glória de Deus. Além das comemorações humanas, além do evento natalino, existe esperança e oportunidade de renovação de vida para todos nós.

Reflita: É tempo de festa. Está chegando o Natal. A Glória de Deus se manisfestou através de Jesus para todos nós. Comemore relembrando a nova vida que Cristo lhe deu. Se entregue para um relacionamento permanente e contínuo com Jesus Cristo, o Rei dos reis e Senhor dos senhores. Que a glória de Cristo se manifeste em sua vida neste natal.

Pr. Luiz Francisco Contri

Um comentário

Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *