Culto todos os domingos às 19:30h.
Rua Vital, Nr 316, Quinta dos Vinhedos, Bragança Paulista, SP
sozinhos

Momento Devocional IPCC – Como sair da solidão ou da sensação de estar perdido?

“Por isso não tema, pois estou com você; não tenha medo, pois sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; Eu o segurarei com a minha mão direita vitoriosa.”
Isaías 41:10

Quem de nós nunca se sentiu “sozinho ou isolado” apesar de estar rodeado de pessoas?

Quem de nós nunca se sentiu “esquecido por pessoas” que conviveu no passado e que agora não mais se lembram de você?

Quem de nós nunca se sentiu “perdido” ou sem saber “como sair de uma situação desconfortável” em que está inserido?

depression-loneliness-man-mood-thumb

O sentimento descrito nas três perguntas anteriores diz respeito a sensação de “solidão” que na prática vai muito além de termos alguém ao nosso lado para conversar ou conviver, mas é um sentimento que para nos libertarmos dele, necessitaremos de uma “transformação” na situação ou circunstância que estamos vivendo.

Muitas pessoas convivem com pessoas todos os dias e ainda assim se sentem sós.

Podemos conviver com pessoas em nosso trabalho, com nossos vizinhos, em um grupo de amigos que pertencemos, numa igreja e ainda assim estarmos nos sentindo sós e isolados.

Até mesmo dentro de nossas casas podemos estar vivendo situações de relacionamento conjugal sem comunicação, onde estar casado não significa necessariamente estar com alguém ao seu lado para dialogar e conversar. Ou ainda situações de relacionamentos familiares quebrados, deficientes ou destruídos, onde temos pais e mães vivos ou mesmo filhos e filhas, parentes, mas não existe comunicação na família e vivemos sós nossa triste realidade da solidão. Ou vivemos uma fase de quebra de aliança e relacionamento amoroso onde nos sentimos perdidos e sozinhos, sem saber qual caminho seguir.

sozinhos

Algumas pessoas que convivemos no passado nem se lembram que existimos e isto certamente gerará um desconforto em nossas emoções, provocando a sensação de “estarmos sós“. Dificuldades circunstanciais, como a perda de um emprego e as dificuldades em se recolocar em meio à crise, ou situações momentâneas de deserto, causadas por exemplo, por uma doença em nossa vida que mudou toda a nossa rotina e acabou nos isolando de algumas pessoas.

Situações e circunstâncias que venham acontecendo há alguns meses ou anos e que estamos tendo dificuldade para sair delas, podem provocar em nós o sentimento de “estarmos sozinhos” e “perdidos” e que não mais sairemos daquele labirinto em que nos encontramos.

labirinto

Podemos nos sentir “sozinhos” por diversos motivos. Na Bíblia, em 1 Reis 19:10, vemos que o profeta Elias após ser perseguido por Jezabel se escondeu em uma caverna e lá se sentiu sozinho e dialogando com Deus respondeu: “Ele respondeu: “Tenho sido muito zeloso pelo Senhor, Deus dos Exércitos. Os israelitas rejeitaram a tua aliança, quebraram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada. Sou o único que sobrou, e agora também estão procurando matar-me”.

sozinha

Talvez hoje você esteja “se sentindo isolado”, ou como o profeta Elias mencionou:- “sou o único que sobrou“.

Aplicação Prática:

Existirão momentos em nossa vida que seremos desafiados a superar os momentos de solidão, isolamento e dificuldades que estamos vivendo.

Neste momentos o importante é termos uma visão correta de nós mesmos e entendermos que não somos as piores pessoas do mundo” ou que “fomos desprezados e descartados” por alguma pessoa ou por algum grupo de pessoas que convivíamos.

Este sentimento de solidão só é compreendido por quem já passou ou está passando por ele.

42741-crying-woman-2-1200-1200w-tn

 Somos seres sociáveis e Deus nos fez assim quando criou o homem, Deus também criou a mulher e disse em Gênesis 2:18:- “Não é bom que o homem esteja só”.

Não devemos nos isolar ou ficarmos sós.

Devemos lutar para sairmos de uma situação em que desenvolvemos esta sensação interior de “estarmos sós” ou “estarmos sós e perdidos”. 

A ciência ainda não tem uma comprovação real de “causa” e “efeito” de doenças que a “solidão” poderá provocar no ser humano, mas estudos preliminares já apontam que a “sensação de solidão e isolamento”, que é considerada uma doença psicossocial, poderá levar o ser humano à doenças físicas como:- pressão alta, diabetes, predisposição ao câncer, estresse e ansiedade, depressão, insônia ou dificuldade para dormir, dor nos músculos ou articulações, maior dependência de remédios, desenvolvimento de vícios (álcool, cigarros ou drogas).

A Bíblia tem respostas precisas para estas sensações de solidão, de isolamento ou em que nos sentimos perdidos, sem saber o que fazer, ou como sair da situação negativa em que nos encontramos.

Nem sempre situações de solidão ou isolamento serão necessariamente ruins para nós.

Podemos estar nestas situações por diversos motivos, alguns somos nós mesmos os responsáveis por eles e Deus nos permite estarmos vivenciando estas situações com a finalidade de nos aprimorarmos e melhorarmos quem nós somos para um propósito maior e melhor num futuro próximo, que não estamos vendo hoje, como permitiu na história bíblica de José do Egito, que a princípio foi vendido por seus irmãos israelitas e depois chegou a ser Governador do Egito e ser o provedor da salvação e socorro para sua família israelita que o havia vendido no passado.

Deus tem caminhos e situações em nossas vidas que não entendemos, mas que devemos aceitar, vivenciá-las e aprendermos com as mesmas. Temos que ter humildade para reconhecermos nossos erros, nossas dificuldades, aquilo que fizemos de errado do passado. Aprendermos com nossos erros é algo importante na vida daqueles que desejam ser felizes nesta existência.

Olhando para nossos acertos e também para nossos erros, refletindo sobre os mesmos, poderemos adquirir a sabedoria e o “aprendizado” para corrigirmos as nossas vidas e não mais cometermos os mesmos erros do passado.

aprendizado

Muitas pessoas vivem isoladas, porque não aceitaram no passado a orientação de seus superiores ou de pessoas que poderiam lhes ajudar. Muitas pessoas, numa linguagem popular, “se acham” e não conseguem entender porque estão isoladas, e possíveis causas podem ser a perda da humildade, ou não conseguirem se enxergar corretamente, não tendo equilíbrio em sua autoestima, porque se encontram longe de Deus e dos princípios bíblicos de Deus, de “ouvirem mais” e “falarem menos“, conforme o livro de Tiago nos ensina, no capítulo 1, versículo 19: “Meus amados irmãos, tenham isto em mente: Sejam todos prontos para ouvir, tardios para falar e tardios para irar-se“.

Precisamos “ouvir os conselhos” e a sabedoria das pessoas que já passaram por situações semelhantes. É tempo de nos mexermos e nos aprimorarmos, buscando informações que nos ajudem na internet, conhecimento técnico, talvez aprendendo um novo idioma, se for o caso de busca por uma recolocação profissional.

É tempo de melhorarmos nosso temperamento e personalidade, se for o caso de termos dificuldades de relacionamento interpessoal, ou apresentarmos um comportamento “bipolar”, buscando ajuda especializada com um psicólogo ou mesmo um psiquiatra.

E assim por diante:- precisamos olhar para nosso interior de forma sincera e analisar quem somos e quais são as causas raízes de estarmos na situação de isolamento ou solidão.

Porém, todo nosso esforço pessoal para sairmos da situação de solidão e isolamento deverá vir acompanhado com a presença, direção e orientação de Deus.

O profeta Isaías viveu aproximadamente 800 anos antes da vinda de Jesus Cristo à Terra e nos encoraja a entregarmos nossos erros e pecados de todo o nosso coração para Deus.

O profeta nos chama a reflexão na Bíblia quando em seu livro, no capítulo 1:18, diz: “Venham, vamos refletir juntos”, diz o Senhor. “Embora os seus pecados sejam vermelhos como escarlate, eles se tornarão brancos como a neve; embora sejam rubros como púrpura, como a lã se tornarão.”

O profeta disse: “Venham, vamos refletir juntos“. Pense nisto.

Por que será que estou me sentindo sozinho ou num estado de solidão?

Por que será que me sinto esquecido por pessoas?

Por que será que me sinto perdido ou preso num labirinto?

 O profeta Isaías nos dá respostas certas quando diz que nosso pecado, nossos erros poderão ser os piores (“vermelhos como escarlate“) mas que eles se transformarão (“como lã (brancos) se tornarão”).

Deus deseja purificar nossas vidas e nos tirar da situação de isolamento e solidão em que nos encontramos quando reconhecermos o sacrifício de Jesus Cristo na Cruz do Calvário que morreu para nos justificar, regenerar a nossa vida e nos transformar.

Ser cristão requer um senso de humildade e desejo de receber o equilíbrio de Jesus Cristo em nossas vidas.

Em Cristo jamais estaremos sozinhos, como Ele mesmo nos falou no evangelho de Mateus 28:20: “ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”.
A promessa de Cristo é real: “eu estarei sempre com vocês“.

Infelizmente, assim como no povo de Israel existiam pessoas rebeldes e que se afastavam de Deus e buscavam resolver seus problemas pelos seus próprios caminhos, hoje, não é diferente, muitas pessoas até estão nas igrejas ou tem algum conhecimento religioso ou filosófico, mas vivem longes e distantes de um Deus pessoal. Continuam isoladas em seu próprio conhecimento e vivendo as consequências da solidão, de seu isolamento, por não terem uma atitude decisiva na direção de Deus.

O profeta Isaías continua falando hoje aos nossos corações: “não tenha medo, pois sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; Eu o segurarei com a minha mão direita vitoriosa.”

Entregue sem reservas sua vida para Deus, Ele está pronto para te abraçar, te receber em Jesus Cristo e deseja ser realmente “o seu Deus“.

discipulad

Quando entregamos nossa vida para Deus ele nos fortalece, nos ajuda na jornada, nos provê livramento e nos tira de situações de solidão e isolamento, ou de circunstâncias em que nos sentimos perdidos ou presos em um labirinto.

sozinhoefeliz

Seja humilde, reconheça sua fragilidade e seus erros, entregue seus problemas na mão do Deus Todo-Poderoso que deseja te ajudar hoje. Ele deseja segurar na tua mão e te conduzir para a solução de suas dificuldades e lhe dar respostas vitoriosas.

Pr. Luiz Francisco Contri

Um comentário

Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *